A estratégia de segmentação de audiência do Facebook

on

Em 2011 o Facebook começou uma importante transformação de plataforma, silenciosa, mas fundamental para sua atual posição de mercado. Foram duas importantes decisões estratégicas:

1) Distribuir a audiência por tipo de interesse;

2) Todas as forças em mobile.

Vou explicar um pouquinho melhor como essas duas decisões mudaram os rumos do Facebook.

1) No total a empresa Facebook tem 3,84 bilhões de pessoas em suas plataformas todos os meses, mas ele distribui a audiência por “funcionalidade”. Pessoas que querem compartilhar fotos tem a opção do instagram (300 milhões de pessoas no instagram por mês), aqueles que querem trocar mensagens de forma rápida tem o whatsapp (800 milhões de pessoas no whatsapp por mês), para os que querem trocar mensagem em uma plataforma mais integrada tem o messenger (600 milhões de pessoas no messenger por mês), se quiser acompanhar a timeline de amigos tem o facebook (1,4 bilhões de pessoas no facebook por mês), e se quiser administrar suas comunidades/grupos tem o groups (700 milhões de pessoas no groups por mês – se não testou esse ainda, teste, é muito bacana esse aplicativo). Dessa forma ele manteve aplicativos focados em resolver problemas específicos dos usuários, mas no final do dia ele gera dados de usuários vindos de todos os lados, e obviamente assim gera mais inteligência para ofertar opções de investimento em publicidade para seus anunciantes. Esse foi um post que o Mark Zuckerberg publicou recentemente com alguns números:

11149299_10102044417223291_2304319948826750178_n

 

2) 1,1 bilhões dos usuários por mês (quase 30%) são de aplicativos que estão exclusivamente em plataformas mobile (instagram e whatsapp), enquanto os outros que citei também estão recebendo muitas melhorias para a plataforma mobile e poucas para web. Não tenho números atualizados quanto ao número de acessos de facebook, groups e messenger que vêm de smartphones, mas em 2014 a empresa sinalizou que uma das estratégias seria dividir em aplicativos as várias funcionalidades disponíveis no site facebook, pois assim as pessoas poderiam utilizar esses recursos em seus smartphones de uma forma mais simplificada. Esse recente relatório da KPCB mostra que estamos em um crescimento exponencial de acessos via smartphones, e é um indicativo de que o caminho escolhido pelo facebook foi muito bem planejado.

 

É muito difícil dizer que a empresa Facebook está errado em sua estratégia, pois todos aqueles usuários que afirmam estarem usando menos a plataforma facebook na web – e até o aplicativo facebook via mobile, estão usando outros aplicativos mantidos pela própria empresa. Esses usuários estão mostrando através de dados que fornecem ao sistema os seus hábitos, isso ajuda o algoritmo do facebook a entender qual o melhor lugar para ele impactar os usuários com publicidade, e assim ele deixa seus anunciantes mais felizes. Isso tudo aumenta o valor da empresa na bolsa de valores – pois o principal indicador de valor é número de usuários ativos – mas também eleva a geração de receita através de uma publicidade melhor direcionada e consequentemente mais eficaz.

1 comentário Adicione o seu

  1. Aline disse:

    Estou sem palavras, nunca tinha pensado nisso.

Colabore! Deixe seu comentário aqui.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s